Imodéstia

No latim a palavra vanitas, significa tanto vaidade quanto vazio. Ou seja, quando vivemos pela vaidade, vivemos pelo vazio. A vaidade tem cheiro, tem cor e múltiplos nomes. Está no agir, no pensar, no falar, no criar, no desenvolver. E, como escreveu certa vez o frânces Stendhai, a maior parte dos homens do mundo, por vaidade, por desconfiança, por medo da infelicidade, só se entregam ao amor de uma mulher após a intimidade. Ao meu ver, Stendhai estava certo. Esse talvez seja o motivo pelo qual algumas mulheres acreditam firmemente que podem despertar o amor de um homem apenas com suas habilidades sexuais. Existe um pouco de verdade nisso, existe um pouco de mentira. Para realizarmos a distinção, precisamos compreender dois pontos. Primeiro: “a maior parte dos homens”, não significa todos os homens. E cá entre nós a maior parte dos homens são realmente idiotas, verdade seja dita. Não por cultura, religião ou grau de conhecimento, a idiotice masculina transcende esses detalhes técnicos, ela é quase… quase um padrão genético. Poucos são os homens que ultrapassam esse padrão ou nascem sem ele. Essa minoria corresponde a parcela masculina que fica ofendida não só com as palavras de Stendhai, como também com todos os demais insultos genéricos existentes no mundo. Segundo: quando cito “algumas mulheres”, obviamente descrevo um grupo que não representa a maioria feminina, muito menos sua totalidade.  Simboliza somente uma minoria que se especializa na arte de assegurar a fidelidade masculina através das frações de orgasmos.

Continue lendo “Imodéstia”

Las hojas

Escrever é um negócio muito interessante, principalmente quando vasculhamos os rascunhos e publicações antigas. As vezes aparecem lições passadas já esquecidas, que acabam servindo e se encaixando no futuro. Fato que nos obriga a raciocinar e concluir que, mesmo com a reação positiva do público, talvez, o principal destinatário daquelas obras sempre foram os próprios autores, ou seja, nós mesmos.

Isso levanta uma série de questões, dezenas de possibilidades. A mais bonita delas ao meu ver, é a crença de que o coração planta sementes (dicas/orientações/conselhos), dentro de si mesmo. Alguns dos rabiscos é claro, vão ao público – são para o público! Outros porém, são nossos. Exclusivos e pessoais. É a alma que os desenvolve e planta em si mesma. São sementes que servirão como um gatilho, um “start” evolutivo, para que o próprio inconsciente vá absorvendo aos poucos a ideia adquiria. Assim que possuir base prática e não só teórica para tal, elas então germinam, crescem, tornam-se árvores; verdadeiros testemunhos do nosso avanço. Normalmente não notamos, pois estamos embalados demais na rotina para realizar reflexões pessoais e perceber que há coisas boas desabrochando por dentro.

Continue lendo “Las hojas”

Pare e pense

Se uma dessas “ultra feministas” disser que o ódio ao sexo masculino se deve as diversas experiências negativas que ela obteve nos relacionamentos com os homens do passado, logo, podemos concluir também que, se as experiências passadas fossem boas e não ruins, ela então não seria feminista hoje em dia? Seria uma esposa/namorada/noiva tradicional ou, no mínimo, uma solteira que não repudia o sexo oposto?

Já que é possível resumir, reunir e concentrar tanta raiva nascida de motivos tão banais, então será que quase todo extremismo disponível na Internet nasceu de meras experiências traumáticas e desgostosas que foram abafadas ao invés de serem resolvidas?

Continue lendo “Pare e pense”

O melhor de nós, seja você seu motivacional #1

Bom Dia- Aqui mais uma vez escrevendo

 

Prazer, eu sou o S. F. Moreira. Minha especialidade desde sempre é trazer reflexões que permeiam em minha mente em algum período de tempo de meu cotidiano particular, o bom de escrever é que dá para não deixar as ideias se perderem com o tempo. Lá em vez em quando, quando bate aquela inspiração, produzo uns poemas para vocês, mas confesso que essa área não é o meu forte, mas irei aperfeiçoar com o passar da alvorada. Se você notar, cada escritor deste Café possui uma característica ímpar e peculiar. Aqui tem pessoas de diferentes regiões do Brasil, de diferentes estilos e especialidades. Essencialmente prefiro trazer coisas que possam ajudar em seu desenvolvimento pessoal como ser humano, um pequeno auxílio, pois quem deve caminhar são vocês, a mudança vem de dentro e não de fora. A internet é uma ferramenta interessante para compartilhar pensamentos, algo que não fica mais restrito a um pequeno grupo de indivíduos. Escrever isso tudo a mão demoraria um tempinho, mas não seria tão ruim assim, teria o lado bom. A questão é que poucos iriam ler, a não ser se eu fosse um escritor que renome nacional. Reconheço minha pequenez nesse aspecto, não dá pra ser bom em tudo, longe estou de ser um ótimo escritor; Mas desejo muito que meus conhecimentos possam proporcionar algo de útil, e acrescentar algo na Life de vocês. Continue lendo “O melhor de nós, seja você seu motivacional #1”

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: